UMA POR DIA


Segure-se: Tony Allen quebra tudo em “Jakelewah” by umapordia
fevereiro 11, 2009, 12:00 am
Filed under: Música do dia | Tags:

tony-allen-2

Galera, mais um som que não consegui segurar a vontade de mostrar pra vocês. Coisa de louco, mais uma africanidade no blog, o mestre dos magos, o jedi Tony Allen, co-criador do Afrobeat, desta vez no disco Homecooking, de 2003. Esse disco é f**a! Nos últimos anos, graças em grande parte à internet, rolou toda uma redescoberta do Afrobeat. Nessa de que surgem novas bandas, acho que o negócio mais difícil tem sido fazer afrobeat sem simplesmente imitar o mito Fela Kuti. E não deu outra, quem faz também sabe refazer, e Tonny Allen saiu-se, na seqüência do também ótimo Psycho on Da Bus, com essa pedrada. Afrobeat reloaded, muito bem misturado com rap, rhythm n’blues, dub, etc, mas essencialmente muuuuuito Afrobeat. E “Jakelewah” é dessas coisas que transmitem alegria e vitalidade desde a primeira nota, desde a primeira batida de um dos melhores bateristas da história, desde o primeiro riff dos metais inconfundivelmente afrobeat. Nos vocais, mandando ver ao lado de Allen (cantando em iorubá), o contagiante rhymin’ do inglês filho de nigerianos TY. Amiô, Amem, Axé! Escute a pérola aqui!!

tony-allen_homecookingGalera, más un tema que no pude contenerme en las ganas de enseñarlo a ustedes. Cosa de loco, una africanidad más en el blog, el maestro de los magos, el jedi Tony Allen, co-creador del Afrobeat, desta vez en el disco  Homecooking, de 2003. Ese disco está jo**do! En los últimos años, gracias en gran parte al internet, hubo toda una rediscubierta del Afrobeat. En eso de que surgen nuevas bandas, creo que el tema más difícil ha sido no copiar simplemente al mito Fela Kuti. Y no hubo otra, quien sabe hacer sabe tambien rehacerlo, y Tonny Allen se salió, en la secuencia del tambien excelente Psycho on Da Bus, com esta piedra. Afrobeat reloaded, muy bien mesclado con rap, rhythm n’blues, dub, etc, pero esencialmente muuuuyyyy Afrobeat. Y “Jakelewah” es de esas cosas que transmiten alegria y vitalidad desde la primer nota, desde la batida de uno de los mejores bateristas de la historia, desde el primer riff de los vientos inconfundiblemente afrobeat. En los vocales, poniendole fuego al lado de Allen (que canta en yoruba), el contagiante rhymin’ del ingles hijo de nigerianos TY. Amiô, Amem, Axé! Escuche la perla acá!!

Site de Tony Allen

Anúncios

6 Comentários so far
Deixe um comentário

Sonzão! Hipnótico.

Comentário por Paula Machado

Oi Paula!! Que bom que vc gostou! Vejo que há alguma resistência à série africanidades, mas sempre é compensada por uma ou outra mensagem muito empolgada… Um amigo até ligou hoje pra dizer que tinha adorado a música hehehe. Os comentários são sempre o melhor! beijão

Comentário por umapordia

Buenísimo!!!! me encantó este tema y toda la serie de africanidades, jejeje. Para cuando algo de Os Mutantes??

Comentário por Julieta

Hola Julieta, que bueno ver un primer comentario tuyo, y más en la serie africanidades jejeje! Uhm, buena idea lo de Los Mutantes, dejame ir pensando un tema… Che, y voy a poner el aviso sobre los martes de carnaval en Niceto. Muy buena onda el Dancing Mood. Te mando un beso

Comentário por umapordia

Obrigado pela dica, muito style o som do cara.
Gostei do seu blog, estou favoritando lá no Kriola.

abs

Comentário por Junior

Salve Junior! Legal que vc curtiu!! Muito bom o Kriola, já fiquei bem curioso pra escutar o NASA e o Miles from India. Vou te favoritar também. Abração

Comentário por umapordia




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: