UMA POR DIA


“Loro”, no baixo e na voz da bela Esperanza Spalding by umapordia
janeiro 8, 2009, 12:00 am
Filed under: Música do dia | Tags:

esperanza-spalding1

Amigos, aí vai algo fora do comum: a brilhante versão que a baixista e cantora norte-americana Esperanza Spalding fez para o clássico “Loro”, do Egberto Gismonti. Deve ser dos temas mais bonitos da música instrumental brasileira, fruto da época mais produtiva e engenhosa do Egberto (saiu no famoso disco “branco” do Egberto, o Em Família, de 1981). Já teve várias versões, mas essa, da talentosa e bela Esperanza (esteve no Tim Festival no ano passado e também em Buenos Aires, na Trastienda) supera tudo: desconstrói, constrói, muda tudo, deixa tudo igual (como é possível alguém fazer um vocalise tão bom?). Saiu em seu disco de estréia, Junjo, de 2006 (melhor e mais jazzístico que o segundo, Esperanza, de 2008). Não percam! Escute a pérola aqui!

esperanza-spalding_junjoAmigos, ahi va algo fuera del comum: la brillante versión que la bajista y cantante estadunidense Esperanza Spalding hizo para el clássico “Loro”, de Egberto Gismonti. Debe ser de los temas más lindos de la música instrumental brasileira, fruto de la época más productiva y ingeniosa de Egberto (salió en el conocido “blanco” de Egberto, el Em Família, de 1981). Ya tuvo várias versiones, pero esa, de la talentosa e bella Esperanza (estuvo en el Tim Festival el año pasado y tambien en Buenos Aires, en la Trastienda) supera todo: desconstruye, construye, cambia todo, deja todo igual (como es posible que alguien haga un vocalise tan bueno?). Salió en su disco de estreno, Junjo, de 2006 (mejor y más jazzístico que el segundo, Esperanza, de 2008). No lo pierdan! Escuche la perla acá!

uma por dia uma música por dia una por dia un tema por dia música brasileira brasileña brasilera em espanhol en español en castellano download

Anúncios

10 Comentários so far
Deixe um comentário

E esses piano e bateria maravilhosos: também são da moça ou ela permite acompahantes?

Comentário por felipe do lago

Opa, Felipe, trata-se dos cubanos Aruan Ortiz no piano e Francisco Mela na bateria! Abração

Comentário por umapordia

Que somzeira… Muito bom.

Comentário por Aurélio

Now we´re talking, Once a Day! A cozinha é maravilhosa, hein? Quanto à busca do vocalise perdido, sugiro pegar o caminho do bosque da Badi Assad.

Comentário por Christian

Once a day, som fantástico! Ela já tinha me chamado a atencao, pela beleza e pelo lindo nome, mas nunca a tinha ouvido.

Comentário por vanessa

Po cara valeu pelo contato ai… puta ideia a sua parabéns memo. eu q agradeço
vamos mantendo contato.
abs

Comentário por marcel

este blog me foi indicado por clausius e estou adorando , assim como adoro a Esperança. aquí vai um dica que descobri recentemente em Recife(pra engrossar o cordão pernambucano): trata-se da pequena gigante CAMILLA INÊS . O COOL JAZZ desta moça é arrepiante! se aparecer pelas suas respectivas cidades não percaaaaaaaaaam !
ela estará em shows nas livrarias cultura do país . Para saber mais acesse (http://www.vetorcultural.com/camillaentrevista.html

Comentário por SOPHIA

Oi Sophia, seja bem-vinda! Obrigado pelas dicas de artistas e do show do Mundo Livre-Manu Chao. Bom, ehm? Vou olhar. Já me falaram mto de “A Roda”, mas ainda nao escutei. Vou tb escutar a cantora! Abração

Comentário por umapordia

ADIANTANDO \ PROGRAMAÇÃO DO CARNAVAL DO RECIFE
Mundolivre+ Manu chao + Gogol bordelo(eugene hurtz)
(INFORMES)
http://orelhando.wordpress.com/2009/01/29/um-mundo-livre-com-manu-chao-e-eugene-hutz-no-carnaval-do-recife

Comentário por SOPHIA

como uma por dia pediu contribuições de agendas
musicais , ai vai mais uma do hellcife

Do JC OnLine

Depois de atrações como Maria Bethânia, Marisa Monte e Elza Soares participarem da abertura oficial do Carnaval do Recife, o grande convidado deste ano deverá ser outro artista vindo da Bahia. Naná Vasconcelos e a Prefeitura do Recife até tentaram fazer mistério quanto ao nome, mas informações extraoficiais dão conta de que a estrela será o cantor e compositor Caetano Veloso. A noite, comandada pelo percussionista e por 14 nações de maracatu, ainda será abrilhantada pela cantora Miúcha e por Claudionor Germano. O resultado da mistura entre os temperos baiano, carioca e pernambucano será conferido no dia 20 de fevereiro, às 19h, no Marco Zero.

Comemorando o oitavo ano à frente da abertura do Carnaval no Recife, Naná Vasconcelos, em entrevista ao JC dessa quinta (8), preferiu não revelar o nome da atração: “A pessoa já aceitou, mas ainda falta assinar o contrato”. Cinco mulheres negras também foram chamadas para cantar músicas sobre o povo nagô. Na abertura do Carnaval, as nações de maracatu irão tocar juntas para acompanhar o cortejo que recebe a chave da cidade do prefeito João da Costa. O frevo fica por conta da orquestra da Bomba do Hemetério, comandada pelo maestro Forró.

g

Comentário por SOPHIA




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: